Tranças de Tereza

trancas2.jpg
trancas3.jpg

Tranças de Teresa é uma criação de Lili de Grammont para a Cia da Vila, com direção de Priscila Magalhães.  O espetáculo, contemplado pelo Programa Municipal de Fomento à Dança de São Paulo, é a segunda parte da série ‘Amor em 4 Atos’ da companhia, que trata das contradições do amor, e tem como referência a obra do artista plástico Tunga.

Em cena, a circularidade e as tranças são feitas espacialmente no palco e mostram os ciclos do amor que podem ser contínuos ou quebrados. Nas conexões das tranças, a união e a separação representam diferentes caminhos para histórias. Inspirado nas ideias das marionetes e cruzetas, o cenário leva o espectador a vivenciar a sensação de que o amor também é conduzido.

Coreografia: Liliane de Grammont / Trilha Sonora: Ed Côrtes / Figurino: Bruna Fernandes / Estreia: 2018 – Cia da Vila